10/12/2008

natal

Uma tia minha pediu-me um poema de natal, não sei bem para que efeito, o meu puto idem, para a escola, duas alunas de guitarra pediram-me para ensinar uma música de natal. Isto anda seco, ainda por cima com a hipocrisia que esta época representa mais seco fica. Como é que se explica isto a quem não merece que lhes estraguem a festa.

1 comentário:

RFF disse...

Pois, somente as crianças valem a quadra...O resto só me dá azia...