24/06/2010

o castelo

Nos últimos meses, a falta de dinheiro para comprar e de pessoas para me emprestarem livros obrigam-me a reler autores, Boris Vian, Tennessee Williams, Kafka, Milan Kundera, que fui lendo entre a adolescência e os vinte anos. Limpo o pó, as palavras surgem-me agora muito mais nítidas do que há vinte e tal anos atrás. Há males que vêm por bem, infelizmente não encontro "O Castelo" do Kafka o livro que mais prazer me deu a ler, até hoje.

2 comentários:

hmbf disse...

Brother, é Vian e não Vien. Já uma vez estive para o dizer e depois esqueci-me. Saludos,

np disse...

thanks, isto vem de uma longa tradição familiar, a minha mãe chama soldado ao Solnado, chicolate ao chocolate e etc. :)